As empresas pet friendly, que aceitam pets no local de trabalho, estão conquistando o seu espaço. Os ambientes vão desde gigantes até escritórios menores, como os contábeis e advocatícios. 

Os benefícios de levar animais de estimação para o trabalho são muitos. Pensando nas vantagens desse convívio, as empresas pet friendly buscam adaptar tanto o ambiente como as políticas internas para receber os bichinhos. 

Quer ficar por dentro desse assunto? Leia mais sobre ele, a seguir!

Porque transformar o ambiente de trabalho em pet friendly?

Apesar de, à primeira vista, ter cães e gatos transitando pelo escritório possa soar caótico, quem já aderiu garante que a realidade é diferente. Empresas pet friendly têm mais movimento, alegria e promovem a interação entre a equipe, diminuindo a tensão no ambiente de trabalho. Essas são apenas algumas das vantagens que animais de estimação trazem ao espaço corporativo.

Se você visa impactar o modo como os seus colaboradores se relacionam entre si e com o trabalho, a adoção da cultura pet friendly é uma boa pedida. O mercado se transformou – principalmente, com a entrada da Geração Z. Com times cada vez mais diversos, a gestão de pessoas passa por um ponto de conversão entre o capital humano e o seu ambiente de trabalho.

Inserir os pets nesse ambiente diversificado ajuda a unificar os colaboradores em torno das metas e objetivos da empresa. Contudo, para se beneficiar das vantagens que as empresas pet friendly possuem, é preciso a revisão de regras e práticas para o bem estar de todos.

Quais são as vantagens de empresas pet friendly?

Para começar, os pets contribuem com a felicidade geral dos colaboradores. A ideia de “quebrar a  rotina” e trazer movimento ao escritório é colocada em prática, já que os cães e gatos facilmente arrancam sorrisos das pessoas.

Outro benefício das empresas pet friendly é promover um ambiente menos estressante para os colaboradores. Um estudo da Universidade de Plymouth, na Inglaterra, indica que basta um aquário no local de trabalho para os níveis de ansiedade baixarem significativamente. Além disso, é notada uma melhora na saúde mental dos profissionais.

Cães são o tipo de animal mais comum para aproveitar um ambiente pet friendly.

Sendo assim, ao implementar a possibilidade de que os colaboradores levem seus cães e gatos para o trabalho, as vantagens aumentam. Em empresas pet friendly as faltas são diminuídas, já que a prática dá aos donos dos animais a tranquilidade de trabalhar sabendo que seus pets estão por perto.

Em escritórios abertos para cachorros, por exemplo, a produtividade tende a crescer. Isso porque a interação com o animal, além de reduzir a sensação de esgotamento e melhorar o humor, também favorece pequenas pausas na rotina de trabalho – o que reduz a carga mental e favorece a criatividade.

Além disso, animais no trabalho também induzem ao maior contato entre os colaboradores, melhorando o convívio. Uma equipe aberta e disposta a conversar cria laços fortes, o que aumenta o rendimento do time.

Empresas pet friendly também são bem vistas, tanto pelo mercado, quanto pelos clientes, como uma corporação que se preocupa com a qualidade de vida dos seus colaboradores. 

Planilha - Ações de RH e endomarketing

Ainda que as vantagens sejam notáveis, transformar o local de trabalho de uma empresa tradicional em um ambiente pet friendly demanda atenção. É preciso adaptar desde o lugar até as regras de convivência para que todos se sintam confortáveis na companhia uns dos outros. 

Como implementar um ambiente pet friendly na sua empresa?

Para criar empresas pet friendly, o primeiro passo é avaliar o espaço físico do escritório. É importante refletir se existe a capacidade real de receber os pets no ambiente de trabalho com conforto, tanto para eles quanto para a equipe.

Se o local é adequado, o próximo passo é adaptá-lo. Cabos de energia, corredores estreitos e janelas baixas sem proteção são perigosos e podem causar acidentes. Inclusive, é preciso pensar em onde colocar camas de cães e gatos e potes de água e comida para que os animais fiquem à vontade. 

Cat persons também podem aproveitar um ambiente pet friendly.

Visando garantir o bem estar de todos no escritório, é importante criar e implementar regras de convivência. Para não haver uma superlotação de animais, uma agenda coletiva em que os colaboradores se revezem para levar seus pets é uma boa opção.

Outra regra importante é exigir que os animais estejam com a saúde em dia. Cães e gatos devem estar vermifugados, vacinados e com banho e tosa feitos. Um animal doente ou em mau estado pode causar desconforto ou até contaminar outros animais presentes.

RH em ação

Uma comunicação transparente e eficiente sobre a adoção da cultura pet friendly também é fundamental. A equipe de RH deve comunicar todos os colaboradores e planejar a forma de implementação desse novo formato. Caso sejam instituídos dias específicos para receber os animais, emitir comunicados com antecedência é bem importante.

O time de RH pode realizar ações específicas para os donos de pets que querem levar seus animais para o trabalho também. Incentivar o adestramento e gerenciar as expectativas dos colaboradores faz com que a introdução dos pets no escritório ocorra com tranquilidade.

É importante notar que o time corporativo é um grupo diverso de pessoas. Assim, algumas delas podem não gostar de animais ou precisar de um ambiente calmo para se concentrar nas suas atividades. Por isso, é fundamental que empresas pet friendly criem espaços reservados para que os colaboradores tenham a opção de não participar da interação com os pets.

Atenção às regras do condomínio

Outro detalhe importante é a atenção às regras condominiais. Afinal, muitas empresas se encontram em condomínios empresariais, em que as normas do prédio podem não permitir a presença de animais. Para não entrar em conflito com a administração, a empresa deve buscar o diálogo e, se possível, estimular a mudança para que os pets sejam bem-vindos.

Um negócio que visa destaque no mercado sabe que a preocupação com os colaboradores tem tudo a ver com o seu sucesso. Por isso, a adoção de um local de trabalho pet friendly se mostra vantajosa. A produtividade aumenta e a tensão do dia a dia diminui, além do clima ficar mais leve e agradável. A busca pelo aumento na produtividade também passa pelo bom manejo do tempo no local de trabalho.

Quer saber como mudar a relação do seu time com a duração de cada tarefa? Assista ao nosso webinar Timesheet: 3 Dicas para Ganhar Produtividade.

Compartilhe