Cada vez mais pessoas estão trabalhando sem sair de casa, por isso, as empresas devem buscar formas de proporcionar uma jornada mais flexível. Em 2018, 3,8 milhões de brasileiros atuavam de maneira remota, agora já são 8,4 milhões, conforme números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Por isso, adotar múltiplas formas de registro de ponto é algo importante.

A pandemia de COVID-19 ajudou a acelerar um movimento que vinha acontecendo há alguns anos, onde colaboradores que lidam com computadores passaram a atuar de suas casas. Contudo, adotar diferentes sistemas para registro de ponto vai além do trabalho remoto. É algo que dá mais agilidade para os profissionais e segurança aos envolvidos.

Quando são adotadas variadas formas de registro de ponto, todos os setores de um negócio saem ganhando. A tecnologia tem permitido cada vez mais alternativas positivas para marcar os horários e começo e fim das jornadas. Então, é algo que representa segurança para os colaboradores e para os gestores.

O que é registro de ponto?

O registro de ponto consiste no horário de chegada e de saída dos profissionais de uma empresa. Então, assim que iniciam suas atividades, por exemplo, às 7h30, fazem a batida de ponto. E depois, quando a jornada é encerrada, às 17h30, devem novamente realizar o procedimento, dando oficialmente fim ao expediente.

Desse modo, os gestores conseguem identificar os profissionais que estão chegando atrasados ou saindo mais cedo e prejudicando a empresa de alguma maneira. O registro de ponto é obrigatório para as empresas que possuem 10 colaboradores ou mais, segundo a legislação vigente. Além de contar com diferentes maneiras de registros.

Mais um detalhes: por meio do registro de ponto é possível identificar os colaboradores que estão realizando horas extras, algo que nem sempre é benéfico à empresa. Enfim, é algo importante e que pode ser adotado em qualquer tipo de estabelecimento comercial, trazendo claras vantagens para o negócio.

Quais as múltiplas formas de registro de ponto?

De fato, existem múltiplas formas de registro de ponto, o que é algo muito bom, já que abre um caminho de possibilidades a ser seguidas. Aliás, o departamento de RH deve buscar maneiras de tornar o processo mais dinâmico e evitar a perda de tempo em uma ação como esta. Veja agora as possibilidades:

  1.     Registro em livro ponto;
  2.     Registro por relógio de ponto físico;
  3.     Batidas por navegador;
  4.     Registros de ponto através de aplicativo.

O interessante é que essa possibilidades podem trabalhar em conjunto dentro de uma empresa. Não é porque existe um relógio de ponto físico que os colaboradores são impedidos de fazer marcações por meio do aplicativo, por exemplo. Enfim, os gestores precisam estar atentos às novidades do mercado. 

Registro em livro ponto

Entre as múltiplas formas de registro de ponto, começamos pela mais tradicional. O livro ponto ou folha ponta, é um tipo de caderno que é administrado pelos gestores da empresa. Então, todos os dias os profissionais devem fazer as batidas, assinando os horários de chegadas e de saídas, em papel.

O problema do livro ponto é que as anotações são feitas à mão, isso quer dizer que não são totalmente confiáveis. A partir disso, existe a possibilidade de acontecer o que é chamado de ponto britânico. Ou seja, quando todos os dias os profissionais fazem registros pontuais, sempre às 7h30 e 17h30, sem a variação de minutos.

E tem mais uma desvantagem de usar o clássico livro ponto: ao aplicar essa modalidade em sua empresa, depois é necessário que os profissionais de RH avaliem todas as informações durante o fechamento da folha de pagamentos. Afinal, os colaboradores podem ter realizado horas extras e elas devem ser pagas para evitar passivos trabalhistas.

Registro por relógio de ponto físico

Os relógios de ponto físico ganharam popularidade já faz alguns anos. Esse é um tipo de equipamento que fica em determinado espaço das empresas, onde os colaboradores podem passar um cartão ou então fazer registros com suas digitais. Enfim, o modo de funcionamento do relógio varia conforme o modelo.

Os modelos desenvolvidos pela Ahgora possuem conexão com a internet e armazenamento em nuvem, sendo que as informações podem ser consultadas em tempo real pelos gestores. Além disso, a empresa garante um suporte exclusivo no mercado, entregando hardware e software de primeira para o seu negócio crescer.

Os relógios ponto devem ser lacrados e não podem ter o seu sistema alterado, seguindo o que determina a portaria 1.510. É um tipo de equipamento sem erro humano e contra fraudes, que garante dados criptografados, monitoramento remoto da equipe e leitor biométrico. É uma das múltiplas formas de registro de ponto mais tradicionais.

Batidas por navegador

As batidas por navegador são realizadas por meio do site ou do aplicativo para computador desenvolvido pela empresa escolhida. Desse modo, cada colaborador possui um login com senha, então basta digitar para ter acesso ao sistema e fazer as suas batidas. É interessante porque pode ser feito de qualquer lugar com acesso à internet.

Essa é uma das múltiplas formas de batidas de ponto, que pode ajudar a compor o mix de opções da sua empresa. O ideal é que o negócio não fique preso a uma ou duas possibilidades. Dessa maneira, o ideal é ampliar o leque, onde todas as formas disponíveis devem ser integradas, fornecendo resultados precisos aos gestores.

Registros de ponto através de aplicativo

Essa é uma maneira de diminuir as filas no relógio de ponto físico, já que cada colaborador pode acessar o sistema por meio do seu smartphone. Na Ahgora, por exemplo, desenvolvemos o Multi, um aplicativo que entrega muitas vantagens para os gestores e para as empresas que adotam esse sistema.

Todas as informações fornecidas pelos colaboradores ficam armazenadas na nuvem, sendo que o sistema funciona também de maneira offline. Ele é muito fácil de usar e ágil, entregando batidas de ponto em poucos segundos. Além disso, carrega uma tecnologia de reconhecimento facial apurada, com geolocalização.

Entre as múltiplas formas de registro de ponto, a possibilidade de realizar essa ação por meio de um smartphone é uma das mais interessantes. Desse modo, trabalhadores em home office ou mesmo profissionais remotos conseguem fazer os seus registos. Enfim, é mais tranquilidade para todos os envolvidos.

Trabalhar com múltiplas formas de registro de ponto deixa as atividades mais ágeis

Adotar múltiplas formas de registro de ponto sem dúvidas é o melhor caminho para uma empresa que deseja continuar crescendo. Dessa maneira, é interessante lidar com ferramentas físicas e softwares capazes de entregar os melhores resultados possíveis para a jornada. De fato, é algo que garante mais agilidade para o procedimento.

O Pontoweb, por exemplo, é uma ferramenta completa, que garante diversas formas de batidas de ponto. Ao procurar por diferentes alternativas para realizar algo básico e repetitivo, como essas marcações, o RH é desobstruído. Então, o departamento de recursos humanos passa a atuar de forma estratégica, na busca por resultados positivos para a empresa.

Existem múltiplas formas de registro de ponto, os gestores devem conhecer cada uma delas, para perceber as vantagens de adotar e as desvantagens que podem trazer ao negócio. Aqui na Ahgora pensamos no sucesso de cada negócio, para cada vez mais criarmos softwares e equipamentos capazes de garantir um bom resultado diário!

Compartilhe

Leave your comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *