O significado de Turnover é a à taxa de rotatividade de colaboradores em uma empresa, ou seja, o número de novos colaboradores comparado ao número de colaboradores que deixam a empresa. É verdade que o turnover pode sinalizar que a gestão de pessoas não vai bem e há perda de talentos importantes. Mas ele também pode indicar que a empresa está crescendo. Descubra o caso da sua empresa neste post.

Se preferir, você também pode ouvir o post. É só clicar no player.


Turnover: conceito e significado

Turnover é a palavra em inglês para rotatividade. Se você trabalha com RH, provavelmente ouviu falar nisso antes. É a relação entre o número de profissionais contratados, desligados (demitidos ou não) e o número total de colaboradores.

O termo parece simples, mas uma análise aprofundada mostra que o entra-e-sai de colaboradores pode ter consequências bem complexas. Por isso, não basta apenas olhar para o número: é preciso contextualizá-lo com as decisões tomadas pela empresa dentro de determinado período de tempo. Continue a leitura para entender melhor. 😉

Turnover é bom ou ruim?

Cada vez que um colaborador é desligado da empresa, isso representa um custo. Não estamos falando apenas de verbas rescisórias, horas e férias a pagar… cada contratado necessita de tempo se desenvolver dentro da empresa antes de performar. Quando o colaborador parte muito cedo, esse investimento é perdido.

Contudo, o índice de turnover pode levar à percepção errada se não for acompanhado de uma análise qualitativa. Empresas em processo de expansão tendem a ver esse número subir… ora por estar substituindo profissionais mais júniores por profissionais mais experientes.

Já entendeu o significado do termo turnover? Para se aprofundar, dê uma olhada nos tipos de turnover – e prepare a sua empresa para lidar com pedidos de demissão.

Turnover voluntário

Turnover Voluntário ?

O próprio colaborador pede o desligamento da empresa. Costuma ser mais frequente entre executivos e profissionais com ensino superior.

Turnover involuntário

Turnover Involuntário ?

A empresa demite o funcionário. Motivos vão desde o baixo desempenho até problemas financeiros.

Turnover funcional

Turnover Funcional?

Considerado benéfico, acontece quando alguém que já está com baixo rendimento pede para sair por conta própria. Além de a empresa poupar os custos da demissão, abre a oportunidade para um profissional mais apto.

Turnover disfuncional

Turnover Disfuncional ?

A perda de um colaborador de alto desempenho. Quando a empresa é incapaz de reter um grande talento, o impacto é iminente. Pode haver perda de produtividade ou qualidade de entrega, atingindo inclusive clientes.

Como calcular o índice de rotatividade de pessoal?

Grosso modo, é o indicador de RH usado para avaliar a relação entre o número de contratações e rescisões em determinado período. Ele é utilizado na área de recursos humanos para entender se as saídas de funcionários vai prejudicar ou não o funcionamento da empresa.

Chegamos à principal dúvida sobre turnover. Calcular o índice de rotatividade é simples. Basta dividir o número de total de colaboradores desligados pelo número total de colaboradores da empresa. A fórmula de turnover é:

Se você quer acompanhar a rotatividade de colaboradores de maneira fácil, baixe a Planilha de Indicadores de RH. Ali você tem acesso a este e outros KPIs importantes para a gestão de pessoas. Mas é claro que o ideal é um software que permita acompanhamento em tempo real.

Vale a pena olhar para o estudo desenvolvido pela Robert Half. No Brasil, o turnover de colaboradores cresceu em 82% das empresas. Para fins de comparação: o padrão mundial é de 38%.

O RH de cada empresa deve estabelecer o que considera como turnover aceitável. É normal que mercados diferentes tenham taxas distintas. Profissionais da área de saúde ou tecnologia são mais disputados, podendo migrar para outras empresas.

Estimativas mais conservadoras consideram o turnover ideal como sendo de 1% ao mês. Contudo, mais importante do que o percentual em si é o quanto isso representa em termos financeiros.

Uma empresa com turnover elevado, porém com mão de obra que possa ser facilmente substituída, não precisa se preocupar. Já uma empresa que exige especialização técnica, de difícil reposição, pode sofrer a cada desligamento.

Este vídeo da Xerpa é bem explicativo:

Como evitar os prejuízos da rotatividade?

Se você calcular o turnover e identificar que a empresa tem problemas para reter talentos, é preciso agir rápido. Isso é importante também para evitar dificuldades em atrair bons profissionais no futuro.

Ainda segundo a pesquisa, os principais motivos que levaram à rotatividade são: remuneração baixa e falta de reconhecimento, desmotivação, preocupação com o futuro da empresa e baixo equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.

Para prevenir o turnover ruim e a perda de colaboradores importantes, a remuneração é fator determinante. Para manter o time apaixonado pela empresa, entra em cena o employee experience.

Quer saber quais iniciativas que ajudam o RH a combater a rotatividade são:

☑ Revisar o processo de recrutamento e seleção e o contrato de trabalho.

☑ Rever o plano de carreira e a política de cargos e salários para reduzir o turnover voluntário.

Incentivar programas de resolução de conflitos e humanização, principalmente entre líderes e liderados.

☑ Promover o bom clima organizacional e frequentes sessões de feedback com diálogo aberto.

☑ Fazer entrevistas de desligamento detalhadas, para esclarecer pontos que ocasionam perdas.

Ferramentas que ajudam a medir o Turnover

Muitas ferramentas auxiliam as empresas a analisar rapidamente as taxas de turnover. O próprio sistema de gestão de ponto eletrônico traz os números de rotatividade de forma fácil, ágil e em tempo real.

Fica fácil para o RH acompanhar os índices e decidir se são necessárias ações preventivas/corretivas para mudar o cenário.

Políticas claras remuneração, valorização e engajamento são essenciais, mas a qualidade de vida também é importante. Colaboradores querem saúde financeira e propósito.

Próximos passos

Separamos alguns conteúdos que podem ajudar você a melhorar o ambiente de trabalho e engajar os colaboradores e parar de se preocupar com o turnover:

E você, como faz para aumentar o engajamento e a produtividade Você tem alguma dica adicional para lidar com a rotatividade de funcionários? Deixe sua mensagem nos comentários.

Compartilhe