A área de RH está passando por uma grande evolução – enquanto algumas empresas ainda estão engatinhando quando o assunto é tecnologia para gestão de pessoas, outras já estão investindo em soluções para aumentar a eficiência dos Recursos Humanos, como softwares de RH. É aí que surge o conceito de HR Tech, startups de RH que estão encontrando um caminho próspero para conquistar o seu espaço nos negócios.

O resultado? Um novo nível de atuação do RH. Mais estratégico, analítico e assertivo. É a gestão de capital humano com o uso da inteligência artificial. Continue a leitura para descobrir como as HR Techs podem revolucionar os Recursos Humanos da sua empresa.

O que são HR Techs?

HR Tech é a sigla para Human Resources Tecnology, ou tecnologia para Recursos Humanos. O termo começou a ser utilizado para representar um novo formato de RH, que deixa o operacional para trás e assume novas competências, transformando-se em peça-chave e fundamental para as empresas.

O conceito, que é tendência para a área de RH, visa a sua total desburocratização com o uso de ferramentas tecnológicas. Mas, não é só isso – o termo também se relaciona a uma nova forma de se falar de gestão e recrutamento de pessoas. Trata-se de uma mudança de cultura organizacional e na conduta das lideranças, além da inclusão da tecnologia nos Recursos Humanos. Tudo isso com a mineração de dados.

De fato, as HR Techs são consequência da escassez de inovações na área de Recursos Humanos. Já são mais de 120 startups brasileiras que atuam com foco total na transformação do RH, segundo um estudo da Liga Ventures, que mapeou o segmento. E nós fazemos parte dessa lista, desenvolvendo ferramentas que revolucionam a gestão de ponto.

Tecnologia para a gestão de pessoas

A tecnologia transformou a gestão de pessoas. A automatização deixou o velho RH totalmente operacional para trás. Agora, a área possui uma atuação diferenciada, baseada em dados para alcançar maior eficiência. Essa é, inclusive, uma das principais tendências de Recursos Humanos – a continuidade do uso da tecnologia. A seguir, listamos ações que estão super em alta na área:

Tendências

People analytics

A gestão baseada em dados está em grande ascensão. Parte disso, o People Analytics são técnicas que utilizam ferramentas tecnológicas para a geração de relatórios e informações relevantes sobre os colaboradores. Esses dados trazem insights sobre a equipe para tornar a gestão de pessoas ainda mais estratégica.

Gestão de pessoas em tempo real

A velocidade na tomada de decisões é muito importante. Para isso, basear-se em dados de forma ainda mais ágil é essencial. Para isso, o ponto de partida pode ser optar por uma ferramenta de gestão de ponto eletrônico. Ainda, esse sistema pode estar integrado a outras tecnologias, como softwares de RH, garantindo uma gestão mais ágil e precisa.

Employee Experience

O People Analytics impacta positivamente a employee experience. O conceito nada mais é do que o RH promover iniciativas positivas para construir uma boa experiência do colaborador na empresa em que trabalha. Um clima organizacional positivo e uma equipe engajada trazem só geram bons frutos para o desempenho de qualquer negócio.

Tecnologia para recrutamento e seleção

Uma das atividades mais importantes e decisivas do RH também está se transformando – é a tecnologia que está promovendo essas mudanças. A seleção de colaboradores já está no futuro com o uso do recrutamento online, processos automatizados e sistemas de RH para triagem dos candidatos.

Jornada flexível e RH mobile

As relações de trabalho mudaram. Para atender à essa flexibilização da jornada, a tecnologia é imprescindível. Softwares, SaaS colaborativos e modernos sistemas de controle de ponto estão fazendo esse papel, sem esquecer da segurança jurídica.

Gamificação

Não, a gamificação não é uma estratégia para ser utilizada apenas em empresas de tecnologia. Engajar os colaboradores de forma divertida pode ser muito saudável e uma opção bem interessante para estimular a sua satisfação, reduzindo as taxas de turnover.

Vantagens

Agora que você já sabe quais ações pode promover no RH da sua empresa com o uso da tecnologia, vamos às vantagens de tudo isso. De maneira breve, destacamos três benefícios para a gestão de pessoas:

Economia de tempo

O uso de equipamentos IoT exclui a digitação, eliminando qualquer possível erro humano. As grandes e confusas planilhas ficam no passado e os cálculos necessários são feitos de forma automatizada.

Ganho de eficiência

Os processos manuais são substituídos por automações. Com isso, as pessoas ganham tempo para investir em outras demandas. Alertas e mensagens automáticas sinalizam quando é necessária alguma intervenção. Em caso contrário, todos os processos funcionam automaticamente.

Decisões mais assertivas

Percepções e análises subjetivas deixam de ser realidade. A tecnologia baseada em dados permite um olhar mais estratégico e com o auxílio de dashboards atualizados em tempo real.

Blog Ahgora - HRTech

Como a TI impacta o RH

A tecnologia da informação dominou o mundo e hoje é praticamente impossível fugir dessa realidade, inclusive na área de Recursos Humanos. O amplo acesso à informação permite que sejam analisados agentes internos e externos de uma empresa. As possibilidades são infinitas – esse cenário torna ainda mais importante a relação entre a TI e o RH. Sabe como?

Equipamentos conectados à nuvem

Muitos dos dados utilizados pelo RH são sigilosos. E os sistemas em nuvem de qualidade são considerados muito mais seguros para os dados do que um sistema tradicional.

Transferência de dados em tempo real

Outra vantagem é a transferência de dados em tempo real, possibilitando o acesso remoto das informações de qualquer lugar, de forma confiável.

Biometria digital

Já existem diversas opções de identificação biométrica atualmente. Destacam-se a impressão digital, que é certamente o método mais utilizado, geometria da mão, reconhecimento de íris e retina, de voz e facial. É uma tecnologia relativamente nova, mas utilizada em diversas rotinas que exigem segurança.

Gestão remota

A possibilidade de acesso remoto é outro benefício da transformação digital. Softwares trazem essa liberdade para o gestor, de acessar o que quiser de onde quiser. Isso traz ganhos de tempo na verificação de equipamentos e evita deslocamentos desnecessários.

Dados georreferenciados (GIS)

Tecnologias de georreferenciamento facilitam o mapeamento das equipes e a gestão do espaço, o que pode auxiliar na eficiência operacional. Esse acompanhamento possibilita uma gestão mais eficiente da força de trabalho considerando a movimentação dos ambientes e, consequentemente, uma maior demanda de colaboradores.

Gestão eficiente de pessoas

Agora que você já sabe como a tecnologia pode impactar a área de Recursos Humanos e o que é tendência nesse contexto, vamos falar um pouco sobre gestão eficiente de pessoas. Mais do que nunca, a área vem buscando por mais eficiência – as atividades operacionais ficaram para trás e o RH assumiu um papel mais estratégico.

Neste novo cenário, a gestão por exceção é um conceito que se torna essencial. Significa dar autonomia às pessoas, para que possam lidar com seus assuntos com mais liberdade. Assim, só são transmitidos para o gestor ou líder as situações extremamente necessárias, que dependem de decisões mais complexas. O resultado? Uma gestão mais eficiente e horizontal, em que os processos são executados com maior agilidade.

Os sistemas de RH têm papel fundamental nesse sentido: cálculos são automatizados por softwares; apenas casos específicos exigem interferência humana; e as máquinas realizam processos onerosos de forma inteligente e precisa.

Por que, então, aderir aos softwares de gestão de recursos humanos? Para você priorizar o que é imprescindível, as pessoas. Deixe que essas ferramentas façam o trabalho oneroso e torne a área de Recursos Humanos bem mais tática.

Tecnologias para RH

Quando se pensa em inteligência artificial, logo vem à cabeça aqueles filmes de ficção científica e robôs de todos os tipos. Não, a IA não é bem isso. Bom, o consumidor mudou. E o mercado também. A busca por respostas de forma ágil e rápida está no topo da lista de necessidades de qualquer empresa.

Com isso, é eminente a exigência de automatização dos modelos de gestão para se gerar uma maior autonomia das empresas. É isso que a inteligência artificial faz – dá a oportunidade para empresas serem mais autônomas e eficientes, transformando atividades e relações.

Desta forma, a lógica de o ser humano realizar atividades de que envolvam grandes esforços ou sejam puramente operacionais cai por terra. Com a IA, atividades que exigem análise crítica e conhecimento intelectual são valorizadas e contam com total apoio da tecnologia.

E no RH? Bom, a inteligência artificial muda totalmente a área de Recursos Humanos. A tomada de decisões assertiva nos processos relacionados à gestão de pessoas é um dos maiores desafios do RH. Por isso, munir o setor de dados de diferentes esferas é um grande benefício da tecnologia. Com isso, o acompanhamento da performance de cada colaborador da equipe fica bem mais fácil, trazendo um maior embasamento para a gestão de pessoas.

Benefícios da IA no RH

Recrutamento e seleção

A mineração de dados possibilita reunir diversas informações disponíveis sobre o colaborador, em fontes diversas. Com isso, o processo de recrutamento e seleção de novos profissionais se torna mais inteligente e certeiro. Além de resolverem essa questão inerente à área de Recursos Humanos, softwares de RH são capazes de tornar esse processo mais estratégico no contexto empresarial. Isso porque quanto mais acertada for a contratação, menor é o turnover e os valores despendidos para demissões, enquanto a produtividade aumenta.

Controle de frequência

Ao lado de outras tecnologias, como o controle de ponto eletrônico, a tecnologia torna a administração da jornada de trabalho bem menos burocrática. Com a Lei de Liberdade Econômica, empresas com mais de 20 colaboradores precisam registrar o ponto. Para tanto, sistemas de integrados permitem que o RH realize essa tarefa de forma mais estratégica – sistemas automáticos centralizam as informações dos colaboradores e possibilitam o gerenciamento em tempo real. Equipamentos com tecnologia IoT e softwares oferecem dados para uma gestão analítica e atualizada de acordo com a legislação trabalhista.

Transparência e clareza nos feedbacks

A tecnologia permite que líderes e gestores avaliem a performance dos colaboradores de forma crítica, com o auxílio de gráficos. Uma das consequências positivas é a possibilidade de intervenção ágil quando o desempenho da equipe é afetado. Dessa forma, a avaliação dos profissionais e seus feedbacks deixam de ser apoiados apenas por impressões e passam a ser sustentadas por dados.

Automatização de processos

Sem dúvidas, automatizar processos é um dos maiores benefícios da tecnologia para o RH. Já falamos aqui que a análise e a organização dos dados de forma automática gera mais tempo para que a gestão de pessoas seja muito mais dinâmica.

Aprendizado de máquina

O aprendizado de máquina, ou machine learning, é caracterizado por um sistema de algoritmos inteligentes. Essa evolução traz um grande aumento da precisão na previsibilidade dos negócios. Recursos de machine learning podem ser aplicados em diversas atividades, como: processo de seleção ao analisar currículos rapidamente, people analytics e automação e correção de processos. Quanto mais o sistema de RH é utilizado, melhor se adapta ao contexto da empresa.

Aplicações da tecnologia na gestão de pessoas

Em resumo, as HR Techs surgiram para entregar muito mais que apenas softwares para o RH com soluções para ponto e folha de pagamento. A ideia é aperfeiçoar as tarefas da área que demandam mais tempo, deixando-a menos burocrática e mais planejada.

Veja como SaaS – softwares como serviço – aplicam as tecnologias que falamos aqui na gestão de capital humano:

Ganho de produtividade

Com a inteligência artificial, há maior precisão e facilidade na análise de performance através do uso de dados. O ROI (Retorno sobre o Investimento) é utilizado como indicador essencial para o planejamento de ações que vão embasar a gestão de pessoas, aperfeiçoando práticas com foco em resultados. O RH se torna descentralizado e a área é tratada como responsabilidade coletiva na empresa.

Eficiência ocupacional

Os RHs passam a gerir a força de trabalho com auxílio da tecnologia IoT associada à geolocalização. Assim, indicadores analíticos são utilizados para monitorar a assiduidade dos colaboradores e o seu posto de trabalho em tempo real. Outro benefício é a localização fácil dos profissionais nas estruturas empresariais, o que é perfeito para grandes negócios que demandam manejo constante dos profissionais.

Acesso inteligente

Os softwares de RH geram dados de identificação e gestão de presença para serem aliados do SEMST (Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho). Com isso, há preservação da propriedade intelectual – dá para permitir ou bloquear o acesso de colaboradores em áreas específicas da empresa, mesmo de longe. Outro ponto é o aumento da segurança no trabalho externo, em que é possível restringir o acesso a áreas de risco, inclusive impedindo a entrada de colaboradores em horários de descanso, folgas ou afastamentos. Ainda, dá para ter controle em tempo real do espaço físico da empresa, o que é essencial em casos de situações de risco ou acidentes.

Com certeza, a automatização de processos é um grande avanço trazido pelas HR Techs. E esse avanço traz um grande ganho de tempo para que a área de RH possa colocar o foco em outras atividades, muito além do operacional. Significa uma nova forma de visualizar o setor de Recursos Humanos – sendo inovador, estratégico e destaque dentro das empresas.

Seu negócio está preparado para a transformação digital? Cadastre-se em nosso mailing para receber informações sobre como transformar a gestão de pessoas na sua empresa.