Vivemos a era do conhecimento. O capital humano se tornou o principal diferencial competitivo das empresas… qualquer seja o tamanho ou setor econômico. Mas como reter profissionais cada vez mais disputados? Um bom plano de endomarketing faz toda a diferença. Se você ainda não tem endomarketing na empresa, comece por aqui.

A competitividade faz parte do novo contexto.

Até mesmo a Diretoria mais tradicional sabe que a produtividade dos funcionários no trabalho é determinante.  A gestão de RH não tem dúvida que trabalhadores felizes produzem mais. Agora o que os pesquisadores buscam responder é qual a fórmula de sucesso para ter funcionários eficientes.

Uma reportagem do portal Exame aponta que pode ser a segurança psicológica. Se você ainda não conhece o termo, não se preocupe. Nada mais é do que:

  • fazer o colaborador se sentir livre de ameaças;
  • compreender o que é esperado dele; e
  • ter abertura para pedir ajuda sempre que julgar necessário.

Para tanto, o clima organizacional é um elemento cada vez mais importante. Afinal, as relações de trabalho passaram por diversas transformações. As novas gerações de profissionais buscam mais do que um bom salário.

As empresas que estimulam a comunicação e se preocupam em envolver o time nas decisões se diferenciam no mercado. Conseguem atrair e reter os melhores talentos. Por isso, mais do que nunca, o sucesso está atrelado a uma boa estratégia de marketing interno. Vamos lá:

O que é o endomarketing e para que serve?

O endomarketing é o tal marketing voltado para o público interno. Assim como é importante promover a imagem da empresa para o mercado e para os clientes, não se pode esquecer do time.

O planejamento e execução dessas ações melhoram o clima organizacional e promovem a satisfação. Isso impacta diretamente o engajamento, afinal a motivação é tudo! Consequentemente, reduz a rotatividade e facilita a atração de novos talentos.

A boa notícia é que existem diferentes iniciativas que podem ser aplicadas no dia a dia da empresa. Elas variam desde a implementação de canais de comunicação interna, à divulgação de políticas de RH.

Muitas vezes, os colaboradores nem desconfiam que a empresa oferece benefícios, reconhecimento e valorização do esforço de cada colaborador. Endomarketing vai muito além da organização de eventos. Trata de melhorar a comunicação interna.

Vale destacar que, apesar do nome, não se restringe exclusivamente ao Marketing. Pelo contrário, o RH é fundamental para o sucesso de uma estratégia de endomarketing. 

É o RH que identifica os desejos do cliente interno e os traduz de forma clara. Juntos, marketing e RH traçam estratégias para comunicar e disseminar a cultura da empresa. O propósito é eliminar ruídos de comunicação e promover ações para melhorar o clima como um todo. 

Como montar plano de endomarketing que funciona

Há quatro pontos importantes que devem ser levados em conta na hora de construir um plano de endomarketing:

Conheça os colaboradores

Para que a política de marketing interno seja bem-sucedida é preciso entender os anseios dos funcionários. Se uma pesquisa de clima parece fora da sua realidade, comece com enquetes curtas.

Defina metas

Trace o objetivo macro e micro para o seu plano de endomarketing. Por exemplo: aumentar o engajamento, identificar gargalos à produtividade, melhorar a comunicação. Quem não sabe para onde vai, se perde ao longo do caminho.

Planeje os próximos passos

Com os objetivos definidos, defina um plano de ação e defina um cronograma de ação. Se você não sabe como fazer, o modelo 5W2H é ótimo. Clique aqui para saber como aplicar.

Metrifique e acompanhe a execução

Acompanhe com frequência os resultados do planejamento. Essa revisão constante vai dizer se a estratégia está funcionando ou se é preciso fazer ajustes de rota.

Se você está em dúvida sobre por onde começar, pode baixar um modelo que preparamos para você: clique aqui para baixar o calendário de ações de RH e endomarketing.

Como aplicar o endomarketing na gestão de RH

Existem várias maneiras de instituir políticas de endomarketing em uma organização. Selecionamos algumas boas práticas que ajudam a entender a percepção dos colaboradores. Dê uma olhada: temos certeza que melhoram a efetividade das suas ações.

1) Faça pesquisas de clima organizacional

O primeiro passo para instituir um planejamento de endomarketing é entender como os funcionários veem a empresa. Uma maneira eficiente é fazer pesquisas de clima organizacional. Semestralmente ou anualmente, distribua formulários anônimos (o Google Forms é ótimo!). Pergunte aos colaboradores como eles qualifica:

  • o ambiente de trabalho;
  • os benefícios oferecidos;
  • o relacionamento com as lideranças;
  • dúvidas, ansiedades e ideias.

2) Crie políticas de incentivo

O reconhecimento e a valorização são chave para motivar o time. Oferecer bonificações para os colaboradores que atingem determinados indicadores ou superam as metas. Se o orçamento não permitir, aposte na criatividade. O importante é agradecer pelo bom trabalho.

Mas atenção: para que essa prática seja justa, é essencial que exista um planejamento estruturado de feedback. As métricas e desafios definidos devem ser acordados previamente.

3) Fortaleça a comunicação interna

Manter todos na mesma página é essencial para o bom andamento da operação. Distribua boletins informativos e, se possível, invista nos vídeos institucionais. 

A Best Buy, por exemplo, conseguiu contornar o problema de turnover alto criando uma rede social para que os funcionários trocassem dicas e experiências sobre o trabalho. O projeto fez com que a rotatividade caísse de 60% para 12%.

Outra forma de melhorar a comunicação interna é criar um boletim corporativo que vá além dos assuntos de trabalho. Use o canal para comemorar as conquistas dos colaboradores.

Além de divulgar os bons resultados alcançados, você pode celebrar formaturas e aniversários ou dar dicas de saúde e bem-estar, por exemplo. Isso mostra que a preocupação da empresa vai além da jornada de trabalho.

4) Incentive o ambiente inovador

A comunicação interna é um ótimo recurso para incentivar a inovação. Convide os colaboradores para atuar ativamente em projetos, mesmo que não sejam de seu setor. Muitas vezes um novo olhar ajuda a remover empecilhos.

Lance desafios, pergunte como o colaborador resolveria determinado problema. Premie as respostas mais originais e impactantes

É importante que as ações de endomarketing envolvam os colaboradores. A comunicação unilateral, apenas da diretoria para as equipes, não funciona. Aliás, o estilo de liderança impacta diretamente a eficácia do que é comunicado.

O endomarketing é um importante instrumento de gestão, que foca no desenvolvimento de ações para o público interno e visa o aperfeiçoamento do clima organizacional. Entre as consequências dessa melhoria estão o engajamento e motivação da equipe e redução de turnover. Por fim, vale reforçar que as ações de endomarketing devem ser realizadas em parceria pelos departamentos de RH e de marketing. 

Como funciona aí na sua empresa? O endomarketing é considerado como instrumento de gestão? Compartilhe conosco os resultados alcançados por meio de ações para conscientizar, informar e motivar os colaboradores.

Vá além do endomarketing: dê começo a uma ótima employee experience

É importante olhar para todo o ciclo de vida do colaborador, da atração ao offboarding (quando ocorre o desligamento). O time indica a empresa como um bom lugar para se trabalhar? 

Não basta pagar um bom salário. Os melhores profissionais querem mais. Empresas com gestão humanizada, que conciliam vida pessoal e profissional, revolucionam a employee experience. Aplicam, na prática, 

A política de benefícios é uma das grandes responsáveis por manter os colaboradores motivados. Além dos tradicionais vale refeição e plano de saúde, tente oferecer cursos e treinamentos. Tanto empresa quanto time ganham com o avanço profissional.

Algumas empresas promovem workshops para que os profissionais compartilhem o que aprenderam com os demais colegas. Além de compartilhar o conhecimento, a atitude estimula a interação.

Um exemplo de boa prática nesse sentido é o vale-cultura. O benefício tem com objetivo facilitar o acesso a produtos e serviços culturais como teatro, cinema, museus e espetáculos.

Aliás: a gente gravou um bate-papo super legal com o Guilherme Ito, RH Performance e Remuneração na Involves. Vale a pena conferir:

Acesse o vídeo remuneração e benefícios aqui

Não esqueça de desenvolver a marca empregadora externamente

Ok, você estabeleceu uma boa comunicação com o time e o endomarketing está consolidado. As políticas estão consolidadas e a experiência do colaborador está redonda. Agora é hora de se mostrar para o mercado!

Neste estágio a sua empresa tem maturidade (e coerência) o suficiente para começar a trabalhar com employer branding. Em bom português, promover a marca empregadora. Mostre para quem ainda não é colaborador todas as vantagens de fazer parte do time.

Como funciona aí na sua empresa? O endomarketing é considerado como instrumento de gestão? O seu RH faz ainda mais? Compartilhe conosco os resultados alcançados por meio de ações para conscientizar, informar e motivar os colaboradores.

Compartilhe